13/08/2015 - Regional das Ilhas

Moradores do Curió-Utinga são capacitados no âmbito do projeto “Cozinha Sustentável”

Vinte moradores da área do Curió-Utinga estão participando de uma “experiência nova e enriquecedora”, segundo salienta Miguel Ângelo, um senhor de 45 anos, pastor da Assembleia de Deus do bairro, que participa com expectativa de atuar no centro comunitário de sua igreja, como multiplicador dos conhecimentos adquiridos no curso de capacitação Alimentação Saudável.

O curso é uma ação do Projeto Cozinha Sustentável, destinado a moradores de comunidades carentes da capital do estado, que ocorre no espaço de treinamento do Projeto Cultivando Flores e Vida, na Ceasa, por meio de uma parceria desenvolvida entre a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Pará (Emater), com o Núcleo de Articulação e Cidadania (NAC), e a Central de Abastecimento do Pará (Ceasa).

Ele está sendo ministrado pelas técnicas sociais da Emater, Maria da Glória Oliveira e Hilma Gurjão, dos escritórios de Belém e Ananindeua, do Regional das Ilhas, sob supervisão da engenheira agrônoma da Emater, Maria Josefa do Nascimento, coordenadora do projeto. O Escritório Central garante suporte logístico garantindo o acesso dos alunos ao local do curso.

Os participantes são orientados ao aproveitamento integral das partes constituintes dos produtos (cascas, sementes, talos, etc.), nas preparações culinárias, que poderão ser utilizadas no enriquecimento do cardápio e na perspectiva de reforço do orçamento familiar. Aliás, esse é um dos estímulos à participação de Madson Diniz Ribeiro, um estudante da 3ª etapa da Escola Ruth Passarinho, de 16 anos, que garante, “o curso é muito bom”, e ressalta, “ele ensina a usar coisas que antes eram jogadas fora, e ajuda a melhorar a saúde”, e conclui sorridente, ”além disso, são deliciosos”.

Texto: Edna Moura 
Foto:Edna Moura