17/02/2012 - Regional de São Miguel do Guamá

 

Dom Eliseu amplia área de cultivo da goiaba

 

Agricultores familiares de Dom Eliseu, no Nordeste Paraense, maior produtor de goiaba do Pará, vai estender em 17% a área de  plantio da fruta, cinco mil  e duzentas novas mudas de goiaba da variedade Paluma,  já estão sendo plantadas em diversas comunidades do município.

 

As mudas  clonadas foram compradas no estado de São Paulo e tem certificação no Ministério da Agricultura.  A compra faz parte de uma iniciativa própria dos produtores com a orientação técnica e acompanhamento da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater).  A agricultura familiar em Dom Eliseu, será agora responsável por 48 hectares de área plantada da cultura.

 

Um trabalho desenvolvido pela Emater, de incentivo e acompanhamento para a irrigação dos cultivos, possibilita a desconcentração da safra, o que garante colheita em vários meses do ano, com o manejo adequado de podas. Sem o trabalho, a goiaba só poderia ser colhida uma vez por ano.

 

Dom Eliseu que tem a maior área de plantio de goiaba contínua do mundo tem expectativa de colheita da agricultura familiar, em torno de mil toneladas da fruta, 20% a mais que na última safra. Parte da colheita já foi comercializada com agroindústrias de polpas e sucos, em Tomé Açu, Castanhal e Marabá- Sul do Pará. O quilo da fruta in natura foi vendido a R$ 0, 70, o que representa boa margem de lucro para o produtor.

 

  A Emater busca meios para a certificação orgânica da goiaba, desenvolvendo um cultivo agroecológico. Através de reuniões, dias de campo e seminários, o agricultor tem sido orientado para a redução de uso de agrotóxicos e utilização permanente de práticas ecologicamente corretas.

 

Hoje Dom Eliseu tem 55 produtores familiares associados em cooperativa, a intenção é acrescentar novas famílias dentro do projeto, a partir da aquisição das novas mudas.

 

Segundo Oduvaldo Oliveira, engenheiro agrônomo da Emater, “em Dom Eliseu uma equipe técnica se especializou exclusivamente para atender os produtores de goiaba que já estão cadastrados dentro da chamada pública de fruticultura”.  Explicou.

 

A próxima colheita da goiaba em Dom Eliseu começa em maio, culminando com o festival da fruta que acontece anualmente no mês de junho.