30/01/2018 - Regional de Castanhal

Extrativistas e quilombolas de Inhangapi recebem mais de 35 mil mudas de açaí

O escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) em Inhangapi, no nordeste do estado, entregou, no início do ano, mais de 35 mil mudas de açaí ( e algumas de cupuaçu, urucum e essências florestais) para 150 famílias, entre extrativistas e quilombolas, de nove comunidades: Boa Vista, Cariru, Catarina, Cumaru, Jundiaí, Maracanã, Muraiteua, Paricá e Saudade. As mudas são oriundas de viveiros nas próprias comunidades.

A distribuição teve parceria da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri), que desde o ano passado trabalha com a Emater para descentralizar o preparo e a multiplicação de mudas do Horto Municipal, e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), que capacita continuamente os agricultores para que construam e façam a gestão dos viveiros comunitários.

Segundo o chefe do escritório local da Emater em Inhangapi, o técnico em agropecuária Luiz Augusto Góes, a maior parte das mudas é de açaí, BRS-Pará, de de terra firme, “ampliando e melhorando a genética da cadeia produtiva do açaí, que é o carro-chefe das comunidades, e tornando cada comunidade cada vez mais independente no que tange à necessidade de mudas, para produção e reprodução”, explica.