07/05 - Regional das Ilhas

 

Feira de Flores e Plantas Ornamentais em Benevides atrai mais de 600 visitantes

 

  Benevides, na Região Metropolitana de Belém, conhecida como a cidade das flores comemorou o potencial produtivo nos últimos dias 04 e 05 de maio. Com a segunda Feira de Flores e Plantas Ornamentais dos Produtores Familiares do Município de Benevides (Expoflorben) e o segundo campeonato municipal de arranjos florais, promovidos pelo escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater), com o apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo (Semmat), os mais de 600 visitantes do evento, que aconteceu no Centro Comunitário de Santa Maria de Benfica, puderam, além de vislumbrar o potencial produtivo, tiveram a chance de comprar mudas, arranjos, plantas e flores tropicais e temperadas, principalmente, com preços mais em conta.

  Quem prestigiou o evento pode economizar como a professora aposentada Ana Francisca Pinho, que comprou quatro rizomas de bastão de imperador e shampu, com valor 30%mais barato. Segundo ela, dona do Sitio Três Amores, na estrada de Benfica, está para mudar o nome para ‘Muitas Flores’. “Não tenho nem onde colocar mais vasos de plantas, mas não resisto. Vir aqui foi muito satisfatório, já que eu pude tirar algumas dúvidas. Trabalhar só  com flor deve ser uma paixão”, comentou.

  Para a produtora de flores tropicais,como as helicônias e alpínias, Maria Conceição Matos, que foi a vencedora da Copa Floral, na categoria iniciante, dona de propriedade rural, há 10 anos trabalha só com flores. “A flor, hoje, é tudo na nossa vida, tomou por completo conta da nossa produção. Vendemos para os grandes supermercados de Belém, abastecemos a Região Metropolitana e sabemos que ainda podemos fazer muito mais. Além, de termos comercialização pontuais nas datas comemorativas”, disse a agricultura.

  A engenheira agrônoma da Emater, Soraya Mendonça Araujo, que participou, desde novembro de 2011, do diagnóstico e mapeamento dos produtores de flores do município que fazem parte da Associação de Floricultores de Benevides (Aflorben), que também apóia o evento, em Benevides são 34 produtores, mas são 24 agricultores familiares, público beneficiário da Emater.

  A comercialização é ponto forte de conquista dos produtores florais. “Eles produzem flores temperadas, que são sazonais, utilizadas nos eventos pontuais, como finados, natal e dia das mães, o que permite uma organização maior do produtor. Mas também o mercado está aberto para as flores tropicais, tanto que todas as cerimônias do governo do Estado, bem como a ornamentação dos altares do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, são ornadas com flores de Benevides, sendo de responsabilidade desses produtores”, ressaltou a técnica.

  A Expoflorben, que teve a venda de comidas típicas, venda de artesanato, além de venda e exposição de espécies varias de plantas, contou também com disputas de misses mirins e da terceira idade, além da segunda Copa Floral, o campeonato municipal de arranjos florais. Ao som de “músicas da terra”, ambas do Murinim, a pequena Marcela Trindade, de apenas oito anos, e Dona Nelita da Silva foram as grandes campeãs desta edição.

  “Mas o arranjo mais bonito, neste ano, na categoria amador, que são aquelas pessoas que já possuem alguma experiência com ornamentação, foi Julieta Saito, que produziu um arranjo em vaso de bambu utilizando shampu e orquídea, que conquistou os jurados, faturando uma bicicleta”, destacou Soraya Araujo.

 

 

 

 

texto e fotos: Kenny Teixeira