Círio Emateriano 2018

11 de Novembro das 09:00:00 às 11:30:00 no Marituba. Um evento de ..

Presidente e servidores da Emater participam do Círio Emateriano 2018 

Sob o clamor do sentido da paz, “que deve ser o sentimento de todos os seres que querem viver com amor o mistério da vida na terra”, Padre Ederaldo Silveira, da Paróquia do Menino Deus, de Marituba, exortou centenas de participantes no 15º Círio Emateriano realizado na Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado (Emater-Pará). Entre os  participantes, o presidente Daniel Lopes, e muitos servidores. O evento começou com procissão saída do galpão até o auditório Alberto Bentes Guerreiro, no escritório central. No início da celebração foi lida uma mensagem do bispo auxiliar da Arquidiocese de Belém, Dom Antônio de Assis Ribeiro, primeiro bispo nativo da Amazônia, que ano passado foi o celebrante. Foram auxiliares do evento dois diáconos, que são servidores da Emater.

Na mensagem de Dom Antônio de Assis foi lembrado de que a tradição sócio-cultural-religiosa proporcionada aos paraenses é uma grande oportunidade de crescimento na fé, “mas uma fé mais consistente, que não se perca o valor do significado da vida”. Ele ressaltou que a celebração do Círio reconhece o papel de Maria, “encorajando a humanidade para que faça o que Jesus deseja: viver o real sentido de paz e de solidariedade, principalmente para com os mais necessitados”.

Além de membros da Diretoria Executiva (Direx), centenas de servidores. Também fizeram parte do cortejo alguns familiares de servidores dando demonstrações do espírito de congraçamento em torno da festa nazarena. Na procissão do Círio Emateriano 2018 estavam presentes alguns elementos que compõem o grande Círio de Nazaré, em Belém: a berlinda, a corda, os anjinhos, o manto. Aliás, sobre os mantos, estes são doados a cada ano  por servidores. Este ano os 15 mantos ficaram expostos na entrada do auditório. Houve um momento que marcou a chegada da imagem peregrina emateriana que percorreu o Regional Castanhal.

Texto e Fotos: Edna Moura