Acolhida aos Romeiros

Acolhida aos romeiros na Emater registrou mais de 600 atendimentos

Hoje (5), logo após a realização da culminância da programação do Círio Emateriano 2017, foi instalado na entrada do Escritório Central da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater-Pará), em Marituba, um ponto de acolhimento que registrou 649 romeiros oriundos de 15 municípios do nordeste paraense, caminhando na BR-316, rumo a Belém, a fim de participar no próximo domingo, do Círio de Nossa Senhora de Nazaré.

Dezenas de servidores voluntários ofereceram aos caminhantes, água, lanches e palavras de incentivos. “O ato de solidariedade encerrou, com chave de ouro, a programação do Círio Emateriano, pois é um momento importante para ajudar a aliviar o cansaço provocado pela caminhada dos romeiros, visto que os muitos quilômetros percorridos durante horas causam desgastes físicos intensos”, explicou o engenheiro agrônomo, Paulo Lobato, um dos voluntários.

Rosa Helena Campos de Melo, conhecida como Rosinha, outra participante da atividade, disse que até às 20 horas passaram pelo posto de acolhimento, peregrinos de Magalhães Barata, Igarapé Açu, Castanhal, Bragança, Benevides, Santa Luzia do Pará, Capanema, Terra Alta, São Francisco do Pará, Tracuateua, Salinas, Maracanã, Santa Izabel do Pará, Marapanim (Marudá), e Marituba (Pirelli). “E outras pessoas, mais apressadas, que nem nos deram tempo de registrar”.

A acolhida aos romeiros já é uma tradição que envolve muitos servidores. Dezenas colocam-se à disposição para apoiarem diretamente, e outros participam com doações de materiais de consumo, como água, frutas, sucos, sanduíches. “Tem gente que participa mobilizando, organizando, comprando, entre outras maneiras. Cada uma é bem gratificante, pois é uma forma de ajudar”, concluiu Rosinha.


Fotos: Rosa de Melo

Texto: Edna Moura - 05/10/2017